O lugar da moda em A Illustração e no Le Monde Illustré: diálogos e apropriações

Palavras-chave: Revistas ilustradas, Moda, Projeto gráfico, Circulação de imagens e textos

Resumo

Neste artigo, a atenção concentra-se no conteúdo de moda difundido pela A Illustração (Paris, 1884-1892), publicação que circulava em Portugal e no Brasil, mas que mantinha estreitas relações com a francesa Le Monde Illustré (Paris, 1857-1940). Trata-se de verificar os intercâmbios entre esses impressos nas seções dedicadas à moda. A análise desse material coloca questões instigantes a respeito da circulação de imagens, da noção de autoria e do compartilhamento de um imaginário comum sobre as noções de moda e elegância. Cumpre destacar que as chamadas “ilustrações” compunham um setor especí-fico dos periódicos, cuja origem remonta a meados do século XIX.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tania Regina de Luca, Unesp
Livre-docente no curso de pós-graduação em História da Unesp (Assis).

Referências

A ILLUSTRAÇÃO. Paris: 1884-1891.

CHARLE, Christophe. Le siècle de la presse (1830-1939). Paris: Seuil, 2004, 415 p.

GRETTON, Tom. Le statut subalterne de la photographie. Étude de la présentation des images dans les hebdomadaires illustrés (Londres, Paris, 1885-1910). Études Photographiques, n. 20, p. 34-49, juin 2007. Disponível em: http://journals.openedition.org/etudesphotographiques/927. Acesso em: jul. 2018.

LE MOBDE ILLUSTRÉ. Paris, 1857-1940.

LUCA, Tania Regina de. A ilustração (1884-1892): circulação de textos e imagens entre Paris, Lisboa e Rio de Janeiro. São Paulo: Unesp, Fapesp, 2018.

PERROT, Michelle. Maneiras de morar. In: PERROT, Michelle (org). História da vida privada. Da Revolução Francesa à Primeira Guerra Mundial. São Paulo: Companhia das Letras, 2009, v. 4, p. 284-301.

Publicado
2020-08-03
Como Citar
Regina de Luca, T. (2020). O lugar da moda em A Illustração e no Le Monde Illustré: diálogos e apropriações. dObra[s] – Revista Da Associação Brasileira De Estudos De Pesquisas Em Moda, 14(29), 64-82. https://doi.org/10.26563/dobras.v14i29.1137
Seção
Dossiê