A música de braço com a moda: mulheres compositoras na imprensa feminina (Rio de Janeiro, 1852-1902)

Palavras-chave: Música e moda, Mulheres compositoras, Imprensa feminina, Rio de Janeiro oitocentista

Resumo

O artigo apresenta um levantamento dos contatos entre música e moda na imprensa feminina do Rio de Janeiro oitocentista, tomando-se o teatro e os salões como espaços privilegiados em que a música era o elemento mediador das relações de sociabi-lidade das elites e das camadas médias de então. Foca-se o protagonismo feminino pela identificação de mulheres que compuseram e publicaram partituras nos suplementos mu-sicais das revistas. As “danças da moda” frequentam essas páginas, em cujas edições os suplementos musicais alternam-se com a ilustração de figurinos: a música de braço com a moda, ambas compartilhadas com as leitoras como objetos a serem consumidos e re-produzidos. A análise enfatiza escritos sobre música publicados n’O Jornal das Senhoras (1852-1855) e os concursos para compositoras realizados pel’A Estação em 1902, entre outras situações e fontes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Avelino Romero Pereira, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio)
Historiador e pianista. Doutor em História pela UFF. Mestre em História pela UFRJ. Professor de Históriada Música no Instituto Villa-Lobos da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio).

Referências

BARBOSA, Everton Vieira. Páginas de sociabilidade feminina: sensibilidade musical no Rio de Janeiro oitocentista. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Ciências e Letras de Assis, Universidade Estadual Paulista, Assis, 2016.

BUITONI, Dulcília Schroeder. Imprensa feminina. São Paulo: Ática, 1986.

CORREIO DAS MODAS. Rio de Janeiro, 1839-1840.

DIÁRIO DO RIO DE JANEIRO. Rio de Janeiro, 1821-1858.

DUARTE, Constância Lima. Imprensa feminina e feminista no Brasil: século XIX – dicionário ilustrado. Belo Horizonte: Autêntica, 2016.

O ESPELHO. Rio de Janeiro: 1859-1860.

A ESTAÇÃO. Rio de Janeiro: 1879-1904.

JORNAL DAS FAMÍLIAS. Rio de Janeiro: 1863-1878.

O JORNAL DAS SENHORAS. Rio de Janeiro: 1852-1855.

LUCA, Tania Regina de. Mulheres em revista. In: PINSKY, Carla Bassanezi; PEDRO, Joana Maria (orgs.). Nova história das mulheres no Brasil. São Paulo: Contexto, 2018, p. 447-468.

MUZART, Zahidé Lupinacci. Uma espiada na imprensa das mulheres no século XIX. Estudos Feministas, v. 11, n. 1, p. 225-233, jan./jun. 2003. Disponível em: https://periodicos.ufsc. br/index.php/ref/article/view/S0104-026X2003000100013. Acesso em: 9 jun. 2019.

NOGUEIRA, Isabel Porto; FONSECA, Susan Campos (orgs.). Estudos de gênero, corpo e música: abordagens metodológicas. Goiânia, Porto Alegre: ANPPOM, 2013. Disponível em: https://www.anppom.com.br/ebooks/index.php/pmb/catalog/book/3. Acesso em: 9 jun. 2019.

PEREIRA, Avelino Romero. Uma “empresa útil, elevada e patriótica”: os intelectuais e o movimento pela Ópera Nacional no Rio de Janeiro oitocentista. In: SARMIENTO, Érica et al. (orgs.). Movimentos, trânsitos & memórias: temas e abordagens. Niterói: Universo, 2016, p. 86-97. Disponível em: https://coloquiomovimentos.wixsite.com/2016/e-book. Acesso em: 9 jun. 2019.

PEREIRA, Avelino Romero. As ideias sobre a música no mecenato imperial. In: BAREL, Ana Beatriz; COSTA, Wilma (orgs.). Cultura e poder entre o Império e a República: estudos sobre os imaginários brasileiros (1822-1930). São Paulo: Alameda, 2018a, p. 85-112.

PEREIRA, Avelino Romero. Cultura musical e palavra impressa no Brasil oitocentista. In: BESSONE, Tânia et al. (orgs.). Imprensa, livros e política no Oitocentos. São Paulo: Alameda, 2018b, p. 15-49.

PEREIRA, Avelino Romero. Mulheres compositoras no Rio de Janeiro oitocentista: a condessa Rozwadowska. In: CARVALHO, Marieta de et al. (orgs.). Movimentos, trânsitos & memórias: novas perspectivas. Vol. 1. Niterói: Universo, 2019, p. 286-301. Disponível em: https://coloquiomovimentos.wixsite.com/2019/e-book. Acesso em: 26 maio 2020.

RAMOS, Pilar. Luces y sombras en los estudios sobre las mujeres y la música. Revista Musical Chilena, v. 64, n. 213, p. 7-25, jan./jun. 2010. Disponível em: https://revistamusicalchilena. uchile.cl/index.php/RMCH/issue/view/225. Acesso em: 9 jun. 2019.

REICH, Nancy. Women as musicians: a question of class. In: SOLIE, Ruth. Musicology and difference: gender and sexuality in music scholarship. Berkeley: University of California Press, 1993, p. 125-146.

REVISTA POPULAR. Rio de Janeiro, 1859-1862.

RODRIGUES, Dayanny. Escritos de e para mulheres no século XIX: o conceito de emancipação e a representação feminina no Jornal das Senhoras. Revista Outras Fronteiras, v. 4, n. 1, p. 54-76, jan./jul. 2017. Disponível em: http://ppghis.com/outrasfronteiras/index.php/outrasfronteiras/article/view/256. Acesso em: 9 jun. 2019.

A ROSA BRASILEIRA. Rio de Janeiro: 1853.

ROZWADOWSKI, Florian (Conde de). O governo e a colonização: ou considerações sobre o Brasil e o engajamento de estrangeiros. Rio de Janeiro: s. ed., 1857.

TODD, R. Larry (org.). Nineteenth-century piano music. Nova York: Schirmer, 1994.

ZAMITH, Rosa Maria. A quadrilha: da partitura aos espaços festivos: música, dança e sociabilidade no Rio de Janeiro oitocentista. Rio de Janeiro: E-papers, 2011.

Publicado
2020-08-03
Como Citar
Romero Pereira, A. (2020). A música de braço com a moda: mulheres compositoras na imprensa feminina (Rio de Janeiro, 1852-1902). dObra[s] – Revista Da Associação Brasileira De Estudos De Pesquisas Em Moda, 14(29), 102-121. https://doi.org/10.26563/dobras.v14i29.1139
Seção
Dossiê