A Revista Feminina e a moda em tempos de guerra (1914-1918)

Palavras-chave: Revista Feminina, Primeira Guerra Mundial, Moda

Resumo

Periódico de grande sucesso de público e vendagem, a Revista Feminina (1915-1936), fun-dada por Virgilina de Souza Salles, figura proeminente da elite paulistana, tinha por objetivo orientar as leitoras sobre questões domésticas e conscientizá-las em relação às causas femininas (direito ao voto, trabalho fora do lar) em um momento de grande expansão do movimento feminista. Entre as seções de temas variados que caracterizam a Revista Feminina, cabe destacar aquela assinada por Marinette e que atendia pelo título “A Moda”, espaço acompanhado de ilustrações (desenhos, fotografias), voltado à informação acerca da moda proveniente de Paris, disponível nas grandes lojas de departamento de São Paulo, como La Saison e Mappin Stores. Deflagrada a Primeira Guerra Mundial, os impactos do conflito repercutiram de maneira significativa no território da moda, quer no desaparecimento das linhas flui-das e das saias justas da época eduardina, quer no papel da mulher na sociedade, que assumia o lugar dos homens em fábricas de munição, escritórios e lojas. Reflexos das mudanças na moda, decorrentes da guerra, se fizeram sentir na seção “A Moda”, da Revista Feminina, na qual Marinette, além de comen-tá-las, informava as leitoras sobre as razões de tais mudanças. O objetivo do artigo é analisar a referida seção da Revista Feminina e propor uma reflexão de ordem social e cultural quanto ao posicionamento da revista paulistana, por intermédio da cronista Marinette, a respeito das transformações na indústria da moda durante os anos da Primeira Guerra, e suas ressonâncias no comportamento das mulheres.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sílvia Maria Azevedo, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Profa. Dra. Livre-Docente de Teoria Literária no departamento de Literatura da Faculdade de Ciências e
Letras da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Assis (SP).

Referências

Referências

ALVIM, Zuleika; PEIRÃO, Solange. Mappin: 70 anos. São Paulo: Exlibris, 1985.

BONADIO, Maria Claudia. Moda: costurando mulher e espaço público. Estudo sobre a sociabilidade feminina na cidade de São Paulo. 1913-1929. 2000. 184 f. Dissertação (Mestrado em História) – Departamento de História, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Unicamp, Campinas. Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/279499. Acesso em: 15 jul. 2019.

BUITONI, Dulcília. Mulher de papel. São Paulo: Loyola, 1981.

CAVALCANTI, Pedro; DELION, Luciano. São Paulo a juventude do centro. São Paulo: Grifo, 2004.

LIMA, Paula Coelho Magalhães de. A exposição de 1917 no Palácio das Indústrias de São Paulo: representações do industrialismo na metrópole nascente. In: VI Colóquio Latino-Americano sobre Representação e Preservação do Patrimônio Industrial, 2012, São Paulo. Anais... p. 1-23. Disponível em: http://portal.iphan.gov.br/uploads/ckfinder/arquivos/VI_ coloquio_t3_exposicao_1917.pdf. Acesso em: 10 jul. 2018.

LIPOVETSKY, Gilles. O império do efêmero: a moda e seu destino nas sociedades modernas. Trad. Maria Lúcia Machado. São Paulo: Companhia das Letras, 2009.

LOPES, Sandra Lúcia. Espelho da mulher: Revista Feminina (1916-1925). 1991. 234 f. Tese (Doutorado em História Social) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, USP, São Paulo.

M. B. A moral do vestuário. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 45, fev. 1918, p. 46.

MALHEIROS, Ana Rita. A mulher brasileira após a guerra. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 52, set. 1918, s.p.

MALHEIROS, Ana Rita. A mulher brasileira na guerra. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 45, fev. 1918, s.p.

MALHEIROS, Ana Rita. A mulher brasileira na guerra. Revista Feminina, São Paulo, ano 4, n. 43, dez. 1917, s.p.

MALHEIROS, Ana Rita. Editorial. Revista Feminina, São Paulo, ano 4, n. 42, nov. 1917, s.p.

MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 52, set. 1918, s.p.

MARINETTE. A moda e a guerra. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 51, ago. 1918, s.p.

MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 2, n. 13, jun. 1915, p. 7.

MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 2, n. 14, jul. 1915, p. 18. MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 2, n. 15, ago. de 1915, p. 18. MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 2, n. 16, set. 1915, p. 17. MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 3, n. 22, mar. 1916, p. 25. MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 3, n. 26, jul. 1916, p. 22. MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 3, n. 29, out. 1916, p. 20. MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 4, n. 34, mar. 1917, s.p. MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 4, n. 37, jun. 1917, s.p. MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 4, n. 39, ago. 1917, s.p. MARINETTE. A Moda. Revista Feminina, São Paulo, ano 4, n. 40, set. 1917, s.p.

MARINETTE. Elegâncias com roupas usadas. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 54, nov. 1918, s.p.

MARINETTE. Feminismo e guerra. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 54, nov. 1918, s.p. MARINETTE. Feminismo e guerra. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 54, nov. 1918, s.p.

MONTEIRO, Marcelo. U-93: a entrada no Brasil na Primeira Guerra Mundial. Porto Alegre: BesouroBox, 2014.

O TRAJE masculino e as mulheres. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 53, out. 1918, s.p.

REGO, Ana Regina; LEAL, Ranielle. Imprensa brasileira na Primeira Grande Guerra: intelectuais em ação. ALCAR, 2015. 10o Encontro Nacional de História da Mídia, UFRGS/Porto Alegre/Rio Grande do Sul, 3 a 5 de junho de 2015, p. 1-18. Disponível em: http://www.ufrgs.br/alcar/encontros-nacionais-1/encontros-nacionais/10o-encontro-2015/gt-historia-da-midia-impressa/imprensa-brasileira-na-primeira-guerra-mundial-intelectuais-em-acao/at_download/file. Acesso em: 11 jul. 2018.

VENCEM as mulheres na Inglaterra e nos Estados Unidos! Direito ao voto feminino. Revista Feminina, São Paulo, ano 5, n. 45, fev. 1918, s.p.

VINHOSA, Francisco Luiz Teixeira. O Brasil e a Primeira Guerra Mundial: a diplomacia brasileira e as grandes potências. Rio de Janeiro: Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, 1990.

Publicado
2020-08-03
Como Citar
Azevedo, S. M. (2020). A Revista Feminina e a moda em tempos de guerra (1914-1918). dObra[s] – Revista Da Associação Brasileira De Estudos De Pesquisas Em Moda, 14(29), 122-143. https://doi.org/10.26563/dobras.v14i29.1140
Seção
Dossiê