Com quantos sáris e túnicas se faz um indiano?

  • Patrícia de Miranda Iorio
Palavras-chave: figurino, Índia, telenovela, representação.

Resumo

Este artigo tem por objetivo analisar a representação do indiano por meio do figurino da telenovela Caminho das Índias, de Gloria Perez. A análise parte da confrontação entre o trabalho de codificação e decodificação da linguagem indumentária indiana e o processo de recodificação para o código brasileiro e para a estética da TV. Compara-se, ainda, as “leituras” e “traduções” realizadas pela figurinista da novela e o resultado final nas cenas exibidas. Tomado como uma linguagem, o figurino sobre o Outro, nesta ficção televisiva, revela-se distante do estereótipo e da carnavalização. O estudo mostra ainda que o trabalho realizado de forma original em Caminho das Índias inaugura uma nova categoria de figurino na cartilha das produções de vestimenta
para a televisão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BARTHES, Roland. Elementos de semiologia. São Paulo: Cultrix, 1977.

DUNCAN, Emília. Entrevista concedida à autora. Rio de Janeiro, 17 jun. 2010.

KUMAR, Pramod. Mantles of myth. The Hindu, 30 nov. 2008. Disponível em: http://www.hindu.com/mag/2008/11/30/stories/2008113050240800.htm. Acesso em: 20 jul. 2010.

MEMÓRIA Globo. Entre tramas, rendas e fuxicos. São Paulo: Globo, 2007.

PRAKASH, B. S. Made in Brazil. Hindustan Times, 18 jul. 2009. Disponível em: http://www.hindustantimes.com/News-Feed/views/Made-in-Brazil/Article1-433754.aspx>. Acesso em:

jul. 2010.

SHAH, Ranvir. Discovering sartorial splendour. The Hindu, 19 jun. 2010. Disponível em: http://www.thehindu.com/arts/history-and-culture/article474045.ece. Acesso em: 25 jul. 2010.

Publicado
2010-01-24
Como Citar
Iorio, P. de M. (2010). Com quantos sáris e túnicas se faz um indiano?. dObra[s] – Revista Da Associação Brasileira De Estudos De Pesquisas Em Moda, 4(10), 69-78. https://doi.org/10.26563/dobras.v4i10.186
Seção
Artigos