A influência da comunicação das marcas de moda de luxo nas redes sociais no valor percebido pelo consumidor

  • Laura Pedri Pereira
  • Thaissa Schneider
Palavras-chave: comunicação, moda, marcas de luxo, redes sociais, valor percebido.

Resumo

Este estudo teve como objetivo verificar como as estratégias de comunicação das marcas de moda de luxo nas redes sociais influenciam o valor percebido pelo consumidor. Para isso, foram utilizados conceitos sobre moda e bens de luxo, comunicação de marca nas redes sociais e valor percebido, além da aplicação de questionário com seguidores da joalheria Tiffany & Co. sobre a identificação de atributos na página do Facebook da marca. Constatou-se que a comunicação da grife nas redes sociais influencia positivamente o valor percebido pelo usuário. Acredita-se que os resultados obtidos possam auxiliar no planejamento de ações de comunicação das marcas de luxo, além de trazer novas informações sobre o comportamento do consumidor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AVELAR, Suzana. Moda: globalização e novas tecnologias. 2. ed. São Paulo: Estação das Letras e Cores Editora, 2011; Rio de Janeiro: Editora Senac Rio, 2011.

CAMPOS, Elisa; YOSHIDA, Soraia. O mapa do mercado de luxo no Brasil. 2010. Disponível em: . Acesso em: 19 nov. 2016.

COBRA, Marcos. Marketing e moda. São Paulo: Editora Senac São Paulo; Cobra Editora & Marketing, 2007.

COLLIS, Jill; HUSSEY, Roger. Pesquisa em administração: um guia prático para alunos de graduação e pós graduação. 2. ed. Porto Alegre: Editora Bookman, 2005.

CUNHA, Gilza Iale Camelo da; CUNHA, Jhose Iale Camelo da; MONTE, Washington Sales do. As mídias sociais e as empresas de moda. In: PMKT – Revista Brasileira de Pesquisas de Marketing, Opinião e Mídia, São Paulo, v. 16, pp. 28-45, abr. 2015.

CRUZ, Melissa. Facebook revela dados do Brasil na CPBR9 e WhatsApp ‘vira ZapZap’. 28 jan. 2016. Disponível em: <http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2016/01/facebook-revela-dados-do-brasilna-cpbr9-e-whatsapp-vira-zapzap.html>. Acesso em: 9 nov. 2016. DUBOIS, Bernard; PATERNAULT, Claire. Observations: Understanding the world of international luxury brands: The dream formula. In: Journal of Advertising Research, vol. 35, n. 4, pp. 69-76, jul./ago. 1995.

GABRIEL, Martha. Marketing na era digital: conceitos, plataformas e estratégias. São Paulo: Novatec, 2010.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas da pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Renda domiciliar per capita 2015. Disponível em: <http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/indicadores/trabalhoerendimento/pnad_continua/default_ renda_percapita.shtm>. Acesso em: 23 fev. 2017.

KAPFERER, Jean Nöel. As marcas, capital da empresa: criar e desenvolver marcas fortes. Porto Alegre: Bookman, 2003.

KIM, Angella J.; KO, Eunju. Do social media marketing activities enhance customer equity? An empirical study of luxury fashion brand. In: Journal of Business Research, vol. 65, pp. 1480-1486, 2012.

LAPOLLI, Mariana et al. Tecnologias da informação e da comunicação como suporte à publicidade na era digital. In: BALDESSAR, Maria José (Org.). Comunicação multimídia: objeto de reflexão no cenário do século 21. Florianópolis: CCE/UFSC, 2009, pp. 20-30.

LEAL, Jorge Tadeu Borges. A recepção é a mensagem ou o consumidor emancipado. In: VIII Seminário dos Alunos de Pós-Gradução em Comunicação Social da PUC-RIO, 2011. Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: VIII POSCOM, 2011.

MAIA, Flávia; COSTA, Camila. Apesar das dificuldades econômicas, mercado de luxo cresce na cidade. 7 jun. 2015. Disponível em: <http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2015/06/07/ interna_cidadesdf,485747/apesar-das-dificuldades-economicas-mercado-de-luxo-cresce-na-cidade. shtml>. Acesso em: 17 nov. 2016.

MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Fundamentos de metodologia científica. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

MARTINS, Andrezza Mastiguim de Paula. Identidade e imagem das marcas de moda de luxo: um estudo sobre a Louis Vuitton. 2009. 214 p. Dissertação (Mestrado em Administração de Empresas) – Escola de Administração de Empresas de São Paulo, Fundação Getúlio Vargas, São Paulo, 2009.

MARTINS, Camila Assis; IKEDA, Ana Akemi; CRESCITELLI, Edson. Marcas de luxo na web: interação com o consumidor no ambiente virtual. In: REGE – Revista de Gestão, São Paulo, vol. 23, pp. 211-221, 2016. MEYER, Carolina. O luxo descobre o Brasil. 18 fev. 2011. Disponível em: < http://exame.abril.com.br/ revista-exame/luxo-descobre-brasil-408423/>. Acesso em: 9 jun. 2016.

SANTOS FILHO, José de Camilo dos; GAMBOA, Silvio Sánches (Orgs.). Pesquisa educacional: quantidade-qualidade. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2000.

STREHLAU, Suzane. Marketing do luxo. São Paulo: Cengage Learning, 2008.

TERRA, Carolina Frazon. Blogs corporativos: modismo ou tendência? 2. ed. São Caetano do Sul: Difusão Editora; Rio de Janeiro: Senac Rio, 2012.

TIGER, Lionel. A busca do prazer. Rio de Janeiro: Objetiva, 1993.

TORRES, Cláudio. A bíblia do marketing digital: tudo o que você queria saber sobre marketing e publicidade na internet e não tinha a quem perguntar. São Paulo: Novatec Editora, 2009.

URDAN, André Torres; URDAN, Flávio Torres. Mix de marketing nas empresas brasileiras. São Paulo: Atlas, 2006.

WAGNER, Janet. Aesthetic value: beauty in art and fashion. In: HOLBROOK, Morris B. Consumer value: a framework for analysis and research. Londres: Routledge, 1999, pp. 126-143.

WEINBERG, Tamar. As novas regras da comunidade: marketing na mídia. Rio de Janeiro: Editora Alta Books, 2010.

Publicado
2017-11-09
Como Citar
Pereira, L. P., & Schneider, T. (2017). A influência da comunicação das marcas de moda de luxo nas redes sociais no valor percebido pelo consumidor. dObra[s] – Revista Da Associação Brasileira De Estudos De Pesquisas Em Moda, 10(22), 94-113. https://doi.org/10.26563/dobras.v10i22.637
Seção
Artigos