Admiráveis andanças entre chitas e gasosas

  • Carol Garcia
Palavras-chave: moda, modos de vida, mestiçagem, comércio popular, Rua 25 de Março.

Resumo

Este artigo aborda a complexidade cultural que ambienta as principais regiões de comércio de artigos têxteis e de vestuário na cidade de São Paulo, tendo como ponto de partida o conceito de “mestiçagem”, ou “mosaico movediço”, conforme considerado por José Amálio Pinheiro, Nestor García Canclini e Serge Gruzinski. O estudo avalia como se interconectam os signos que se avizinham nas situações de compra e venda de artigos populares para então relacio nar moda e modos de vida na região. Percorrendo os caminhos do comércio popular, a análise vislumbra novos “modos de estar junto” que acompanham a dinâmica da vida social na metrópole.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BRESSER, Deborah. “Todos os sotaques da Moda de São Paulo”. In: CASTILHO, Kathia; GARCIA, Carol (org.). Moda Brasil – fragmentos de um vestir tropical. São Paulo: Anhembi Morumbi, 2001.

CANCLINI, Nestor García. Culturas híbridas – estratégias para entrar e sair da modernidade. Trad. Ana Regina Lessa; Heloísa Pezza Cintrão. 4ª ed. São Paulo: Edusp, 2006.

GARRO, Elena. Los recuerdos del porvenir. Cidade do México: Editorial Joaquín Mortíz, 2006.

GRUZINSKI, Serge. O pensamento mestiço. São Paulo: Companhia das Letras, 2001.

MARTÍN-BARBERO, Jesús. Ofício de cartógrafo – travesías latinoamericanas de la comunicación en la cultura. Santiago: Fondo de Cultura Económica, 2005.

MELLÃO, Renata; IMBROISI, Renato. Que chita bacana. São Paulo: A Casa- Museu do Objeto Brasileiro, 2005.

PINHEIRO, José Amálio. “Prólogo”. In: RENNÓ, Raquel. Do mármore ao vidro: mercados públicos e supermercados, curva e reta sobre a cidade. São Paulo: Annablume, 2006.

RENNÓ, Raquel. Do mármore ao vidro – mercados públicos e supermercados, curva e reta sobre a cidade. São Paulo: Annablume, 2006

Publicado
2008-02-14
Como Citar
Garcia, C. (2008). Admiráveis andanças entre chitas e gasosas. dObra[s] – Revista Da Associação Brasileira De Estudos De Pesquisas Em Moda, 2(2), 73-79. https://doi.org/10.26563/dobras.v2i2.382
Seção
Artigos

Most read articles by the same author(s)